Os sinais que deves ter em conta para perceber se tens intolerância ao glúten
Intolerâncias Alimentares

Os sinais que deves ter em conta para perceber se tens intolerância ao glúten

Sentes a barriga inchada depois de comer pão, cansaço súbito ou até mesmo enxaquecas que surgem depois das refeições e que parecem não ter qualquer relação com o que acabaste de comer? Estes sintomas são muito genéricos, mas podem sugerir uma situação de intolerância ao glúten. Existem vários tipos de reações adversas ao glúten, desde a alergia à doença celíaca. Estas situações nem sempre são fáceis de identificar, até porque, na grande maioria das vezes, associamos os sintomas a outras coisas que nada têm a ver com a alimentação.

Nem sempre é fácil fazer a associação ao glúten, mas se de alguma forma apresentares uma reação adversa a este elemento, é quase certo que o teu corpo já te tenha dado alguns sinais. Esta proteína, que está presente em vários tipos de cereais como o trigo, a cevada ou até mesmo a aveia, é a responsável por dar a textura elástica às massas, pão e bolos, mas em algumas pessoas pode causar transtornos.

Por ser uma proteína complexa, é composta por dois tipos de proteínas diferentes, as prolaninas e as gliadinas. Estas últimas são constituídas por uma sequência de aminoácidos que o nosso corpo não consegue identificar devidamente e, por isso, considera um corpo estranho ao organismo. O resultado? O nosso organismo vai desencadear um processo de rejeição, que se manifesta através de alguns sintomas.

Estes sintomas variam consoante o grau de sensibilidade ao glúten. Existem diferentes níveis de sensibilidade e em casos mais graves podem surgir alguns sintomas bastante incómodos, quase todos a nível gastrointestinal. Inchaço, dores abdominais, flatulência, prisão de ventre ou diarreia são alguns dos sintomas mais comuns de quem tem intolerância ao glúten.

A estes sintomas juntam-se outros que podem surgir logo após ingerir alimentos com glúten ou a médio prazo. São eles:

  • Alternância de períodos de diarreia e prisão de ventre;
  • Tonturas ou cansaço excessivo após as refeições;
  • Enxaquecas frequentes que surgem principalmente após as refeições;
  • Retenção de líquidos;
  • Manchas vermelhas na pele;
  •  Aumento da gordura abdominal.

O que deves fazer se tiveres estes sintomas

Se quando comes alimentos que contêm esta proteína sentes frequentemente um ou mais destes sintomas, o primeiro passo é excluir da tua alimentação todos os produtos que contenham essa proteína e observar se os sintomas desaparecem ou são minimizados. Podes substituí-los por versões sem glúten, já que atualmente existem várias opções no mercado, desde cereais a barras de frutos secos. Nos vários produtos à base de cereais como pão, tostas, bolachas e cereais de pequeno-almoço, deverás optar por versões sem glúten.

Para confirmar se tens efetivamente uma intolerância ou alergia ao glúten, o ideal é fazeres exames junto de um médico alergologista, que confirmará, ou não, o diagnóstico através de vários testes específicos para esse fim.

Ao confirmar-se a intolerância ao glúten, procura a ajuda de um profissional de saúde que te ajude não só a seguir um padrão alimentar de acordo com as tuas necessidades, como também na leitura dos rótulos dos produtos alimentares. Dessa forma, conseguirás evitar alimentos que contenham esta proteína e assim controlar os sintomas e o desconforto.

Conhece os produtos sem glúten da Nestlé aqui.

 
 

também

Intolerâncias Alimentares

Intolerância alimentar ou alergia? Embora muitas vezes sejam confundidas, a intolerância e a…

Intolerâncias Alimentares

Uma dieta sem glúten é cada vez mais procurada e não só por quem tem algum tipo de intolerância a…

Intolerâncias Alimentares

Descobre o que é a intolerância à lactose e que cuidados deves ter.