Saboreia a Vida | Nestlé
Saboreia a Vida | Nestlé

SOCIAL

CASTANHA

Tal como a grande maioria dos seus familiares, os frutos gordos e amiláceos (noz, avelã, amêndoa, amendoim, etc.), a castanha é um alimento tipicamente outonal. O que a torna diferente é, sem dúvida a sua composição nutricional. É menos calórica que os restantes frutos gordos e amiláceos, já que o seu teor em gordura é significativamente inferior apesar de apresentar maior teor de hidratos de carbono.

 

O seu nome científico é Castanea Sativa. Embora a variedade mais consumida seja a variedade comum ou europeia, existem três outros tipos específicos de castanhas, nomeadamente, a castanha da China, a castanha japonesa e castanha americana. O valor nutricional é muito semelhante em todas as variedades do fruto. A castanha da China, contudo, apresenta um teor superior de hidratos de carbono.

 

INFORMAÇÃO NUTRICIONAL:

A castanha é um fruto particularmente rico em hidratos de carbono complexos. A quantidade de gordura que apresentam é em tudo muito semelhante à dos cereais e, consequentemente, muito inferior à dos restantes frutos gordos. Por outro lado, o seu conteúdo em água é de cerca de 50 %. Todas estas propriedades fazem da castanha um fruto de teor calórico muito inferior aos restantes frutos de outono.

Tabela de composição nutricional (100 g de Parte Edível)

 

Castanha Assada Com Sal

Miolo De Castanha

Energia (kcal)

211

185

Água (g)

39,4

48,5

Proteínas (g)

3,5

3,1

Lípidos (g)

1,3

1,1

Hidratos de carbono (g)

45,5

39,8

Vitamina A (µg)

11

11

Vitamina C (mg)

46

51

Folatos (µg)

56

61

Cálcio (mg)

23

20

Potássio (mg)

571

500

Sódio (mg)

550

9

Magnésio (mg)

48

33


mg = miligramas; µg = microgramas. Parte Edível = diz respeito ao peso do alimento que é consumido depois de rejeitados todos os desperdícios. Vitamina A = como equivalentes de retinol.

Fonte: Porto A, Oliveira L. Tabela da Composição de Alimentos. Lisboa: Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge. 2006, pág. 100-101.


VANTAGENS E DESVANTAGENS:

Pela sua riqueza em hidratos de carbono, a castanha constitui uma excelente fonte de energia.

É um alimento muito versátil, sendo vulgarmente utilizada como acompanhamento (assada, cozida ou em puré), em base de sopas, na confeção de molhos e até mesmo em sobremesas.

Ao contrário da maioria dos frutos, não é comum consumir-se castanha crua pela sua grande adstringência e dureza.


COMO COMPRAR E CONSERVAR:

As castanhas encontram-se no mercado desde princípios de outono a finais de inverno. No momento da compra, deve ter-se particular cuidado na observação do estado da sua pele, que deve ser bem brilhante e intacta (sem cortes ou gretas). Para conservar em casa, devem ser guardadas em local fresco e seco. É importante que não sejam comprimidas e amaçadas, devendo estar separadas entre si, tanto quanto possível para que não fiquem moídas. Tanto cruas como assadas, as castanhas podem conservar-se no congelador durante cerca de 6 meses.


Conheça receitas com este alimento em Nestlé Cozinhar.
PARTILHAR 14 LIKES

Sugestões