Saboreia a Vida | Nestlé
Saboreia a Vida | Nestlé

SOCIAL

SARDINHA

Com cerca de 12% de lípidos, ácidos gordos ómega-3, a sardinha é classificado como um peixe gordo.

A nível cardiovascular
A sua gordura é composta principalmente por ácidos gordos polinsaturados, benéficos para a saúde cardiovascular já que ajuda a baixar os níveis de LDL­ colesterol (“mau colesterol”) e a elevar os níveis de HDL­ colesterol (“bom colesterol”). 

Nutrientes de qualidade
A sardinha é uma boa fonte de proteínas de bom valor biológico e de fácil digestão. Além disso é rica em vitaminas A e do complexo B. A vitamina B12, por exemplo, é importante para o crescimento e divisão celular e em conjunto com o ácido fólico, ajuda na formação de glóbulos vermelhos. 

Este peixe possui ainda diversos minerais como cálcio, ferro, fósforo magnésio, sódio e zinco.

O ferro da sardinha tem uma boa disponibilidade e é importante para a formação dos glóbulos vermelhos, transporte do oxigénio no sangue e produção de componentes essenciais, como algumas hormonas e colagénio. Esta substância faz parte de várias estruturas do nosso corpo como a pele, articulações e cartilagens. 

Atenção às purinas
A sardinha, como os restantes peixes gordos, são desaconselhados para pessoas com níveis elevados de ácido úrico no sangue (hiperuricemia) ou que sofram de gota, devido ao seu elevado teor em purinas. 

Tabela nutricional
Tabela de composição nutricional (100 g de Parte Edível)

 

Sardinha Frita

Sardinha Grelhada

Energia (kcal)

247

211

Proteínas (g)

23,0

25,0

Lípidos (g)

15,6

12,3

Saturados (g)

4,5

4,4

Monoinsaturados (g)

3,0

2,0

Polinsaturados (g)

6,5

4,5

Hidratos de carbono (g)

3,5

0

Colesterol (g)

39

43

Vitamina A (µg)

45

50

Niacina (mg)

4,9

5,3

Vitamina B6 (mg)

0,56

0,61

Vitamina B12 (?g)

11

12

Ferro (mg)

1,1

1,1

Fósforo (mg)

347

379

Potássio (mg)

383

419

Sódio (mg)

361

401

Zinco (mg)

1,9

2,0


mg = miligramas; µg = microgramas. Parte Edível = diz respeito ao peso do alimento que é consumido depois de rejeitados todos os desperdícios. Vitamina A = como equivalentes de retinol.
Fonte: Porto A, Oliveira L. Tabela da Composição de Alimentos. Lisboa: Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge. 2006, pág. 62-63

Como escolher
A qualidade da sardinha depende da sua frescura. Verifique se tem escamas brilhantes e bem fixas, guelras bastante vermelhas e sem muco, olhos salientes e ainda brilhantes e consistência firme no corpo. As mais apreciadas são as de menor tamanho. O cheiro deve ser suave e a maresia. 
Como todos os peixes, a sardinha deteriora-se com facilidade. Mantenha no frigorífico durante dois dias no máximo. Se pretender, pode congelar pois isto não afeta o seu sabor.

Conheça receitas com este alimento em Nestlé Cozinhar.
 
PARTILHAR 52 LIKES

Sugestões