Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.
Melancia
Alimentos

Melancia

A melancia é uma típica fruta de Verão que pertence à família do melão, abóbora e pepino. É originária de países com climas quentes e apresenta diversas variedades que se distinguem pelo tamanho e presença ou não de sementes.

Para beneficiar ao máximo das suas propriedades nutricionais opta pelo seu consumo nos meses de verão (julho, agosto e setembro).

Informação Nutricional

O principal componente da melancia é a água, o que a provém de um leve efeito diurético, que pode ser benéfico no caso de gota e hipertensão arterial. Para além de ser uma excelente fonte de hidratação, tem ainda a vantagem de ser pouco calórica e rica em vitaminas e minerais.

g = grama; mg = miligrama e µg = micrograma. Parte Edível = diz respeito ao peso do alimento que é consumido depois de rejeitados todos os desperdícios. Fonte: Tabela da Composição de Alimentos – Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge.
Composição nutricional
(100g de parte edível)
Melancia
Energia (kcal) 26
Água (g) 93,6
Proteínas (g) 0,4
Lípidos (g) 0,2
Hidratos de Carbono (g) 5,5
Fibra (g) 0,3
Vitamina A (µg) 50
Vitamina C (mg) 4
Potássio (mg) 100
Magnésio (mg) 12
Vantagens e desvantagens

A melancia contém magnésio, um mineral que influencia a transmissão neuromuscular, na regulação dos fluxos através das membranas celulares, auxilia a atividade de certas enzimas e está envolvido na replicação de ADN.

As vitaminas contidas na melancia são a vitamina A, benéfica para a visão, a pele e o sistema reprodutivo, e a vitamina C que, com outros antioxidantes presentes, protege o nosso organismo dos radicais livres.

Quem sofre de insuficiência renal deve evitar comer melancia. O seu teor em potássio pode agravar os problemas ao nível dos rins. Mas por outro lado, é justamente este mineral que faz da melancia um alimento tão aconselhável para outras pessoas. O potássio contribui para o equilíbrio dos fluidos do organismo, ajuda a regular a tensão arterial e tem um papel importante na contração muscular.

Como comprar e conservar

Para saber se a melancia está madura, bate com os nós dos dedos na sua casca. Se o som for “abafado”, ou surdo, a melancia está madura. Se for metálico quer dizer que ainda está verde. Prefere a melancia com a casca intacta, sem manchas, fendas, cortes ou amolgadelas. Pode ser verde escura ou mais clara, raiada. E se tiver um lado amarelo, não te preocupes. É a parte que estava no chão e por isso não recebeu a luz que provoca a fotossíntese e dá origem à cor verde.

A melancia pode ser conservada inteira, num lugar fresco, arejado e escuro, até cerca de 1 semana. Após abertura, deve ser mantida no frigorífico e consumida em poucos dias. Se preferires, podes também cortá-la em cubos e congelá-la.

 

Receitas Relacionadas

também

Alimentos

A fruta do dragão, também conhecida como pitaia, é tão interessante por dentro como é por fora. É…

Alimentos

É um item básico da despensa e da gastronomia portuguesa também. No entanto, se olharmos para as…

Alimentos

Sabes qual é a diferença entre o Abacaxi e o Ananás? Descobre as diferenças e aprende a distinguir…