Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.
7 dicas para convencer os miúdos a comerem mais fruta
Alimentação Equilibrada

7 dicas para convencer os miúdos a comerem mais fruta

Entre birras, crises de choro, pedaços de maçã, manga ou qualquer outra fruta a voar pelas várias divisões da casa, percebemos que há algo com que quase todos os pais podem concordar: não é fácil convencer os miúdos a comer fruta. Ou eles gostam realmente de uma ou várias frutas, ou então é expectável que um cenário como este aconteça em praticamente todas as refeições. E a verdade é que a fruta é essencial para o bom funcionamento do nosso organismo.

Cada fruta tem a sua especificidade, mas na generalidade todas apresentam quantidades apreciáveis de vitaminas e minerais de que o nosso corpo precisa para o seu adequado funcionamento. Além disso, e apesar dos miúdos não se aperceberem, a fruta é a melhor forma de evitar o consumo de açúcares adicionados e saciar aquela vontade de comer algo doce.

Se és pai e estás a ler este texto porque já não sabes o que fazer para evitar as birras e os pedaços de fruta a voarem pela casa, nada temas. Há vários truques para convencer os miúdos a comerem mais fruta diariamente. Nunca esquecer que a recomendação da grande maioria dos especialistas é de duas a três (até 5 nos adultos) porções de fruta por dia, por isso, é aplicar uma (ou várias) destas 7 dicas para testar realmente o seu resultado.

Usar formas divertidas

Este é daqueles truques que funciona, especialmente, com miúdos mais pequenos. Usa aquelas formas de bolachas que estão guardadas desde o Natal e corta as maçãs, peras, os pedaços de banana ou qualquer outra fruta em formas divertidas. É quase certo que os miúdos as vão querer devorar.

fruta com formas divertidas

Oferecer fruta enquanto estão distraídos

Sabes aquele momento em que eles estão sentados à frente da televisão entretidos com desenhos animados? Esta pode ser uma oportunidade para lhes dares fruta. Corta em pedaços, coloca numa taça e deixa-a com eles. Como estão distraídos, o mais certo é que acabem por comer a fruta toda, mesmo sem se aperceberem. Podemos confirmar: quando a taça chega ao fim, acabam quase sempre por vir pedir mais alguns pedaços.

Envolver os miúdos na preparação da fruta

As crianças adoram fazer as mesmas coisas que os adultos fazem, e se os deixares estar mais envolvidos na cozinha, eles acabam por ficar mais interessados em comer o que se estiver a preparar. Deixa-os ir cortando as frutas, sempre com supervisão, ou, se forem muito pequenos, deixa-os colocar as frutas numa taça para comerem, deitar as cascas no lixo ou até mesmo ajudar a escolher que frutas comprar no supermercado.

mãe e filha a cortar fruta
Além disso, e apesar dos miúdos não se aperceberem, a fruta é a melhor forma de evitar o consumo de açúcares adicionados e saciar aquela vontade de comer algo doce.

Deixar os miúdos escolherem as suas próprias frutas

Gostas de todos os alimentos que existem no mundo? É pouco provável. E da mesma forma que isso acontece com um adulto, também existem crianças que não gostam de comer alguns alimentos, inclusive frutas. Numa fase inicial, durante diversificação alimentar, é muito importante a exposição repetida de determinados alimentos, de forma a que os respetivos sabores e texturas se tornem familiares. Contudo, é natural que numa fase mais avançada, a criança tenha algumas preferências por determinados alimentos, e o grupo das frutas não é exceção. O importante é variar e não comer sempre as mesmas frutas todos os dias.

Preparar gelados com fruta

Por norma, as crianças adoram gelados. Nem sempre escolhem as opções mais saudáveis, mas em casa existe a opção de fazer gelados, e podes usar fruta para os preparar. Manga congelada com iogurte grego Yaos e um pouco de hortelã é uma excelente combinação. Se quiseres algo mais simples, tritura apenas frutos vermelhos congelados e fica igualmente saboroso.

Gelados de fruta

Combina fruta com chocolate

Da mesma forma que adoram gelados, o chocolate também costuma agradar a grande parte das crianças. De vez em quando, experimenta servir a fruta com um topping de chocolate derretido. Morangos, manga, abacaxi ou até mesmo maçã são sempre boas opções. Idealmente, escolhe um chocolate com menos açúcar e maior teor de cacau, como o L’Atelier com 80% de cacau.

Juntar a fruta ao iogurte ou aos cereais de pequeno-almoço

Mais uma combinação que é quase infalível, mas aqui, o melhor é manteres-te atento para que os miúdos não comecem a tirar os pedaços de fruta. Podes optar por colocar fruta num iogurte como os Longa Vida naturais, onde se podem também juntar algumas sementes. Se eles preferirem podes juntar a fruta também aos cereais escolhendo também aqui as melhores opções, como por exemplo cereais integrais e/ou com menor teor de açúcar.

 

também

Alimentação Equilibrada

Não é fácil encontrar algo que seja tão benéfico e libertador como um bom treino. Há quem escolha…

Alimentação Equilibrada

Diz-se que Portugal é o País do Fado, de Fátima e do Futebol, mas a realidade é que se há coisa…

Alimentação Equilibrada

A meio da tarde há sempre aquela vontade de comer — sim, nem sempre é fome, pode ser apenas vontade…