Saboreia a Vida | Nestlé
Saboreia a Vida | Nestlé

SOCIAL

BANANA

À dentada ou esborrachada, com queijo, marmelada ou bolacha maria, a banana é uma fruta de que todos gostam. É rica em hidratos de carbono, potássio, magnésio, ácido fólico e vitamina B6 (ver tabela abaixo). 


OS SEGREDOS QUE ESTÃO NAS FIBRAS

Apesar de rica em hidratos de carbono, a banana é um alimento com pouco impacto na taxa de glicemia (açúcar no sangue). O segredo é a abundância de fibras de vários tipos que, ao interferirem no processo digestivo, fazem com que o açúcar seja libertado lentamente para o sangue.

O seu conteúdo em fibra do tipo fruto­oligosacaridos, torna a banana uma fruta apropriada para quem sofre de processos diarreicos pois estimula o crescimento das bactérias benéficas do cólon, conhecidas como bifidobactérias ou lactobacilos.

Ao fermentarem, estas fibras contribuem ainda para aumentar a capacidade do organismo para absorver o cálcio.


MUITOS MINERAIS E VITAMINAS

A banana é rica em potássio, muito importante na regulação da tensão arterial, no equilíbrio dos fluidos corporais e na contração dos músculos. É sobretudo por isso que muitos atletas não dispensam o seu consumo. Tem um leve efeito diurético, que pode beneficiar quem sofre de gota e hipertensão arterial ou quem tem perdas excessivas de potássio devido à utilização de diuréticos.? Contudo, é importante lembrar que quem sofre de patologias renais poderá ter de cumprir restrições no consumo de potássio, pelo que o consumo de bananas poderá estar limitado.

O magnésio também se encontra em quantidade relevante na banana. Contribui para uma eficaz transmissão e atividade neuromuscular, participa na regulação dos fluídos corporais e é componente essencial de enzimas, envolvidas em mais de 300 reações metabólicas.

No que se refere a vitaminas, na banana é de destacar o ácido fólico, também conhecido por vitamina B9. Tem um papel relevante na formação do tubo neural (daí as suas necessidades de consumo estarem elevadas nas grávidas), no combate à anemia e às doenças cardiovasculares.


TABELA NUTRICIONAL:

Tabela de composição nutricional (100 g de Parte Edível)

 

Banana Crua

Energia (kcal)

95

Água (g)

72,1

Proteínas (g)

1,6

Lípidos (g)

0,4

Hidratos de carbono (g)

21,8

Fibra (g)

3,1

Potássio (mg)

425

Magnésio

28

Ácido Fólico (µg)

14

Vitamina B6 (mg)

0,29

Cálcio (mg)

8


mg = miligramas. µg= microgramas. Parte Edível = diz respeito ao peso do alimento que é consumido depois de rejeitados todos os desperdícios.
Fonte: Porto A, Oliveira L. Tabela da Composição de Alimentos. Lisboa: Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge. 2006.


COMO ESCOLHER

As bananas devem estar firmes, mas não muito duras, e com aparência brilhante. Não devem apresentar golpes nem estar amachucadas. Na banana comum a cor da pele é indicativa do grau de maturação do fruto. Devem ser rejeitados os exemplares excessivamente moles. A presença de manchas e pontos negros ou castanhos na casca não afecta a qualidade da peça.

Esta fruta não requere condições especiais de conservação, basta mantê-la num local fresco, seco e protegido da luz directa do sol. Se conservada no frigorífico, a sua casca enegrece alterando o seu aspecto exterior, mas não afectando as suas qualidades nutritivas. O escurecimento da casca pode ser evitado envolvendo a fruta em papel jornal. 

SABIA QUE..

Enquanto está verde, o sabor da banana é adstringente. Ao amadurecer o amido transforma­se em açúcares simples, como a glicose e a frutose, que conferem um sabor doce. 

Conheça receitas com este alimento em Nestlé Cozinhar.

PARTILHAR 18 LIKES

Sugestões